quinta-feira, 16 de agosto de 2012

Obesidade uma doença preocupante!!!!!!!


Nota-se que nessa era em que estamos vivendo há uma grande tendência para o redondo, o abaulado, o roliço, a circunferência. Nosso planeta é uma bola: o globo terrestre.
Quase tudo anda sobre rodas: automóveis, caminhões, bicicletas e outros veículos. Os que não andam sobre rodas usam turbinas ou motores girando em torno de um eixo.
Os veículos automotivos têm formas arredondadas, assim também, móveis, edifícios, casas, relógios e tantos outros objetos. Diversos esportes sofrem a mesma influência. Para a prática de muitos deles se utiliza uma bola. Pode-se observar o formato roliço também imperando nos objetos.
Por que o ser humano não teria também essa tendência?
Tudo caminha para isso. Diríamos que a obesidade é uma das preocupantes tendências do momento. Temos notícias de todos os países do aumento da quantidade de pessoas obesas. No Brasil, esse aumento é claro. Sabemos que as mulheres têm engordado mais que os homens. Pesquisas demonstram que o peso corporal é um importante fator de mortalidade entre as mulheres de meia idade.
A obesidade está relacionada à origem provavelmente genética e induzida por vários genes (herança poligênica) acrescida de fatores ambientais, comportamentais e sociais. Segundo o professor da Faculdade de Medicina da USP, Geraldo Medeiros Neto, a influência genética torna-se evidente logo nos primeiros anos de vida.
Na realidade, a obesidade provém da ingestão de uma quantidade de alimento maior que a necessidade do organismo. O excesso é armazenado em forma de gordura para ser utilizado quando necessário.
Como escreveu Dráuzio Varella, nós temos memória genética de nossos ancestrais de armazenar gordura porque eles ficavam algum tempo sem comer até encontrar nova caça. Esse comportamento é lembrado geneticamente e, sem saber, retemos gordura como mecanismo de defesa.
A causa da obesidade é decorrente de inúmeros fatores e os principais são: genética (apenas 2 a 4%), erros de comportamentos (sedentarismo, comer rápido etc.), erros nutricionais (vícios alimentares familiares, alimentação não balanceada em relação às calorias, à quantidade e qualidade dos alimentos) e problemas psicológicos (comer para diminuir tensão, culpas, ansiedades, estresse etc.).
Gostaríamos de chamar a atenção dos internautas para a associação da obesidade às principais doenças: hipertensão arterial, aumento de colesterol e triglicérides, diabetes, doenças vesiculares, gota, doenças cardíacas, erisipela, micose, queda de cabelo, torções, varizes, trombose, acne, dores nas costas, estrias, ronco, apnéia noturna, pele escura nas axilas e virilhas, aumento da incidência de certos tipos de câncer, risco especial na gravidez e em pacientes cirúrgicos.
Seus efeitos aparecem nas hérnias de todos os tipos e ela pode estar relacionada também com a vertigem. Acrescentamos ainda a tudo isso o comprometimento da beleza das pessoas. Isto nos leva a reflexão, com toda certeza. O assunto é realmente preocupante para quem tem o mínimo de consideração para com seu corpo.
Pense nisso.


beijos

Carol Foltran



Postar um comentário